,

Devolução de Mercadoria – 5 dicas práticas para redução de prejuízos

devolução de mercadoria

A devolução de mercadoria é uma situação complicada, sendo um dos vários problemas a serem enfrentados pela sua equipe de gestão de logística.

É importante que sua distribuidora saiba bem como lidar com a devolução de mercadoria para que os prejuízos acarretados por ela sejam menores, sendo que o objetivo final é atingir uma eficiência cada vez maior, até que a própria devolução de mercadoria seja reduzida a níveis mínimos.

Que tal conhecer 5 práticas para a redução de prejuízos com a devolução de mercadoria? É o que você encontra neste artigo! Continue a leitura para saber mais!

Confira também as nossas dicas em vídeo:

A importância da gestão da devolução de mercadoria

As devoluções acontecem, isso é fato, talvez por problemas estruturais no produto, proximidade à data de validade, separação incorreta pelo estoque, etc. Às vezes, o problema pode ter sido ocasionado pelo próprio cliente, que digitou uma quantidade errada na venda online, selecionou um produto que não deveria ser adicionado ao pedido, dentre outras situações.

De qualquer maneira, a gestão da devolução de mercadoria é fundamental para que você não tenha prejuízos. Os valores unitários dos produtos e os impostos atrelados a eles são informações que devem ser checadas por pessoal qualificado e, de preferência, em um departamento dedicado.

Isso porque, quando você aposta na gestão da devolução de mercadoria, não enfrenta problemas tributários com cálculos errados na escrituração das notas, nem deixa de receber parcelas devidas a você.

Além disso, a gestão da devolução também age na logística, fazendo com que o transporte seja mais eficiente, seguro e controlado.

5 dicas para a redução de prejuízos com a devolução de mercadoria

Quer saber como reduzir os prejuízos com a devolução de mercadoria? Então, confira essa lista que que preparamos para te ajudar:

1 – Tenha organização

Sim, a organização é o primeiro passo para evitar prejuízos com a devolução de mercadoria.

Você precisa encontrar uma forma de centralizar seus processos logísticos em um departamento, e, dentro desse setor, delegar funções que vão desde a separação do produto, sua conferência, embalagem, paletização e carregamento até o controle das notas, taxas tributárias e a devolução da mercadoria.

Dessa forma, todas as etapas do trabalho são feitas sem pressa e por profissionais que lidam com elas todos os dias, o que reduz as devoluções de mercadoria consideravelmente.

Mas falando em etapas..

2 – Padronize as operações

A melhor maneira de evitar a devolução de mercadoria é criando uma série de processos padronizados para a sua conferência, emissão de notas, embalagem, segunda conferência, etc.

Essa padronização está diretamente relacionada com a forma com que sua distribuidora age, sendo que não existe uma fórmula padrão que funcione em todos os casos. Assim, o melhor a se fazer é observar seus processos, aplicar melhorias e, caso elas deem resultados, adotá-las como procedimentos padrão.

3 – Saiba negociar

Em alguns casos, como o transporte de produtos frágeis e perecíveis, a devolução de mercadorias deixa de ser um transtorno e passa ser fonte de grandes prejuízos. Nessas situações, é fundamental que você saiba negociar para evitar a devolução de qualquer maneira possível.

Ofereça descontos na próxima compra, condições de pagamento personalizadas, envios expressos e o que mais for possível para evitar a volta dos produtos. Normalmente, dependendo da sua relação com o varejista, a conversa resolve grande parte dos problemas com a devolução, e esses processos de negociação podem trazer grandes parcerias no futuro.

4 – Escute seus motoristas

Muitas vezes, a devolução de mercadorias ocorre por conta de atrasos na entrega ou danos ocasionados por estradas em más condições. Isso ocorre, especialmente, em produtos de grande fragilidade ou que possuem muitas peças móveis, que se soltam com os impactos da estrada.

Quando você escuta seus motoristas, é possível criar rotas alternativas para a entrega, que, muitas vezes, podem ser mais rápidas e mais confortáveis de se dirigir.

Isso resulta em uma entrega mais rápida e na erradicação de danos por más condições do asfalto.

5 – Automatize!

A Máxima Sistemas oferece o maxMotorista e o maxRoteirizador para lidar com esses imprevistos nas entregas. Com essas soluções, você consegue criar rotas pré-programadas, ter informações sobre o tráfego no local e dados em tempo real sobre avarias na mercadoria e imprevistos no transporte.

Dessa forma, é possível ter um controle muito maior sobre o processo de entrega e da logística como um todo, mitigando problemas que são, em muitos casos, grandes causadores da devolução de mercadoria.

Que tal fazer um teste com a Máxima? Para mais informações sobre nossas soluções em automação de logística e trade marketing, entre em contato com nossos especialistas e agende um teste da ferramenta!